sexta-feira, 31 de agosto de 2018

Eleições Brasil 2018: candidatos subjugados às políticas internacionais enfraquecem a pouca Soberania Nacional que ainda resta

Devido à intensificada divisão que vêm acontecendo entre o Bloco EUA-Israel e o Bloco ONU-Europa, nas Eleições Brasil 2018 encontramos dois dos candidatos representando a falta de soberania nacional ao se revelarem representantes de cada um dos blocos: 

Bolsonaro = Bloco sionista EUA-Israel-Bancos Centrais

Amoedo = Bloco ONU-Europa




Exemplos da crescente falta de entendimento entre o Bloco EUA-Israel e o Bloco ONU-Europa:



Juncker responde: Europa vai retaliar se EUA aplicarem tarifas nos automóveis [1]

A Europa é amiga ou inimiga dos Estados Unidos? [2]

Macron alerta que a segurança na Europa não pode depender só dos EUA [3]

Macron pede que Europa se torne independente dos Estados Unidos [4] 

Europa precisa de um sistema de transações bancárias 'anti-EUA', diz ministro alemão [5]

Macron defende união da Europa por segurança para que não dependa mais dos EUA [6]


EXEMPLOS DAS DEFESAS DOS CANDIDATOS


Bolsonaro

A linha política, econômica e ideológica defendida por Bolsonaro ficou bem demonstrada em um vídeo que fiz para o Canal Daniel Simões, no Youtube:


RETIFICAÇÃO IMPORTANTE 02.09.2018: No vídeo, a partir do minuto 37:50, quando digo que a reativação da Frota 4ª da Marinha dos EUA em 2008 está relacionada com o impeachment da Dilma, quis dizer com a descoberta do Pré-sal. O impeachment só acontece em 2016.

Amoedo

No seguinte vídeo, Amoedo confirma que acha positiva a Agenda 2030 da ONU, logo, que a seguirá (minuto 30:44):


Qual o candidato que está, realmente, defendendo o Brasil, a Soberania Nacional e as riquezas naturais do país? Nenhum!

Senado faz consulta pública: alocar, ou NÃO, os Recursos Hídricos do Brasil? Vote já!!

O Senado Federal está fazendo uma consulta pública para saber se o povo brasileiro concorda, ou não, com a alocação dos Recursos Hídricos do Brasil. Como vimos anteriormente aqui no blog, esta é uma das portas de saída das riquezas naturais brasileiras em prol de corporações internacionais. VOTE NÃO!


VOTE NÃO NO SEGUINTE LINK

PLS 495/2017
PROJETO DE LEI DO SENADO nº 495 de 2017
Ementa
Altera a Lei nº 9.433, de 8 de janeiro de 1997, para introduzir os mercados de água como instrumento destinado a promover alocação mais eficiente dos recursos hídricos.
Explicação da Ementa
Altera a Política Nacional de Recursos Hídricos para priorizar o uso múltiplo e a alocação mais eficiente dos recursos hídricos, bem como para criar os mercados de água.

Mais artigos relacionados neste blog:

Seca no Brasil e a Exportação de 112 trilhões de litros de 'água virtual' por ano [1]
10 de agosto de 2018

Seca no Brasil e a exploração da água por Empresas internacionais [2]
8 de agosto de 2018

Nova crise da água em São Paulo? Só porque querem, claro... [3]
2 de agosto de 2018

As contradições mediáticas sobre a venda do Aquífero Guarani [4]
17 de março de 2018

Privatização da água brasileira [5]
17 de março de 2018

STF adia julgamento da Educação Domiciliar

Ainda não foi desta que a Educação Domiciliar recebeu a devida atenção, devido a detalhes técnicos. A espera continua.


O Relator do processo deixa a seguinte observação:

"Tratam-se de petições da União e do Colégio Nacional de Procuradores-Gerais dos Estados e do Distrito Federal para sugerir a realização de audiências públicas para ouvir os atores do sistema educacional e jurídico brasileiro a repeito da educação domiciliar. Nada a prover. Pedi pauta para o julgamento da matéria em 02 de agosto de 2017, tendo a liberação do processo para inclusão em pauta sido publicada em 08 de agosto de 2017. Não cabe apresentação de sugestões após a inclusão do feito em pauta." [1] 

Mais artigos neste blog:

STF julga hoje a Educação Domiciliar [2]
30 de agosto de 2018

STF julga família por querer praticar Educação Domiciliar com seus filhos [3]
13 de agosto de 2018

Estado ataca Famílias, Educação domiciliar e Não-vacinação: análise das metodologias físicas e psicológicas do ataque e imposição do socialismo [4]


quinta-feira, 30 de agosto de 2018

STF julga hoje a Educação Domiciliar

O STF - Supremo Tribunal Federal do Brasil, decide hoje se os pais poderão escolher, ou não, educar os seus filhos em casa, invés de os colocar nas mãos do Estado, ou nas mãos de empresas privadas de educação aprovadas pelo Estado. Fiquem ligados!


Além de estar em causa a liberdade de expressão, de crença e pensamento, está também em causa se o Estado se arroga ser, verdadeiramente, dono das pessoas e principalmente, das crianças.

Se a Educação Domiciliar não for aprovada, vemos confirmada uma ditadura que objetiva moldar os cidadãos de acordo com os seus princípios regulatórios e de percepção da realidade. Aguardemos.

STF julga constitucionalidade do ensino domiciliar no Brasil [1]

STF julga hoje constitucionalidade do ensino domiciliar no Brasil [2]

Supremo julga nesta quinta se pais podem educar filhos em casa [3]

STF decide se pais podem tirar filho da escola para ensino domiciliar [4]

Supremo julga a constitucionalidade do ensino domiciliar no Brasil [5]

quarta-feira, 29 de agosto de 2018

A ilusão do jogo político no Brasil: PT alia-se a partidos que apoiaram impeachment

Esta imagem do Gabriel, O Pensador, que surgiu na internet em Novembro de 2017, expressa perfeitamente a dança política que acontece nos bastidores do Estado.


Este mês, entretanto, foram noticiadas as alianças nacionais entre o PT (Partido dos Trabalhadores) e os partidos que apoiaram o impeachment:

Em 15 estados, PT se alia a partidos que apoiaram impeachment [1]
08.08.2018

PT faz alianças com partidos que apoiaram impeachment de Dilma em 15 Estados [2]
08.08.2018

Estas alianças do PT mostram que nem tudo é o que parece. São deduzidas em documentos pouco divulgados, mas bastante explícitos quanto aos objetivos de tal partido, como o seguinte informativo do Forum Econômico Mundial: estranho é que todos os links desta página estão desligados.

Presidente Lula pede “globalização com ética” [3]
2009

Presidente Lula defende nova ordem mundial "ética" [4]
15.04.2009

O discurso do antigo Presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, no Forum Econômico Mundial na América Latina, ainda circula na internet, no qual ele defende uma Nova Ordem Econômica Mundial. No mesmo vídeo, outro discurso proferido por Lula nas Nações Unidas, defendendo a Nova Ordem Mundial.


Porque será que Lula recebeu o seguinte prêmio do Forum Econômico Mundial, sendo que tal evento incentiva a criação de um Governo Mundial e uma sociedade global absolutamente controlada por tecnologias biométricas que gerarão +2 bilhões de desempregados até 2030? [5]

Lula é o primeiro presidente a receber o prêmio de Estadista Global do Fórum Econômico Mundial [6]
20.01.2010

Dilma foi considerada o "retrato" da Nova Ordem Mundial. Estaremos, afinal, vendo divisões, onde elas não existem? Estarão os poderosos do mundo - apesar de nítidos conflitos internos nas altas instâncias de poder - unidos em uma única causa: a instauração de um Governo Mundial?



Lula, no Forum Econômico Mundial, fala contra o FMI, contra a economia virtual, a favor de mais poder do Estado sobre os bancos. Simultaneamente, abraça o sionismo. Nos seguintes vídeos, vemos Lula com Shimon Peres, ex-Presidente de Israel, visitando o Museu do Holocausto Judeu e depositando flores na Chama Eterna, um memorial aos supostos 6 milhões de judeus mortos no holocausto nazi. Lula confirma a veracidade do holocausto em diversas ocasiões. 



Vale a pena destacar que o Rabino que preside a direção do Museu do Holocausto, pediu a Lula que marque um encontro entre ele e o então Presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, o qual nega que o holocausto tenha acontecido realmente. O Rabino que afirma ter passado por um dos campos de concentração nazi e quer convencer o Presidente do Irã com seu testemunho.



O seguinte vídeo surgiu na internet buscando fazer muita gente acreditar que Lula não tinha depositado as flores na Chama Eterna. Estariam querendo esconder a aliança do PT com o sionismo, ou seria pura difamação de quem não entende realmente como as coisas estão acontecendo nos bastidores?




Há pouco tempo lancei um vídeo no meu canal de Youtube, mostrando as alianças do atual candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, que têm vindo a ser estabelecidas com o Conselho das Relações Externas dos Estados Unidos da América, logo, com a família Rockefeller, o sionismo, Israel e os Bancos Centrais controlados pela Reserva Federal América da família Rothschild.


Se as alianças são as mesmas, poderão Lula, Dilma, Temer e Bolsonaro ser assim tão diferentes? Ou estarão apenas levando o barco Brasil para o mesmo porto, mas por águas diferentes, de maneira a que a população não se aperceba que as mesmas instituições e corporações internacionais continuam, década após década, a sugar as riquezas naturais brasileiras? Porque os candidatos não falam de temas vitais para o Brasil? [7] [8] [9] [10]

Quando descobro que o islamismo cresce no Brasil com o apoio do Governo PT - chegando já a 1 milhão e meio de convertidos, 11 mil só na Grande São Paulo - e sabendo o impacto que tal religião está tendo na Europa e nos EUA, questiono-me: porque os atuais candidatos à Presidência da República brasileira não falam sobre isso?



Consciente da falta de integração que o islamismo e o seu desejo de imperializar o mundo, pergunto-me: porque, no Brasil - tal e qual como na Europa - instituições que se revelam defensoras do sionismo, estão abrindo as portas para uma verdadeira invasão islâmica? A confusão em relação ao que é o islamismo é notória quando, a meio do seguinte vídeo, diversas pessoas defendem que a mulher não é oprimida no islã.


Número de centros islâmicos sobe 20% em 2015 em São Paulo [11]
17.09.2015

Mas, afinal, porque estaria o sionismo permitindo a expansão do islamismo? 

Os caminhos dos Senhores do Mundo são obscuros e as vias que usam para alcançar os seus objetivos são complexas. Apesar de existirem conflitos internos por poder, existe uma união forte entre as classes mais poderosas para instaurar um Governo Mundial. Se observarmos bem, o islamismo está sendo a melhor via para instaurar o caos no ocidente - tanto a nível de sistemas religiosos, quanto políticos, sociais, etc. Os valores da cultura ocidental precisam ser derrubados para que uma Nova Ordem Mundial de controle absoluto se erga. Como já estudamos em trabalhos anteriores, o sentimento de insegurança e o medo, são o que faz surgir o consentimento social para a instauração das tecnologias de controle biométrico absoluto. 

Quanto maior o caos, mais abertas as pessoas ficam para aceitar medidas extremas que acabem com aquele.

Lembremos que existe um pensamento messiânico no judaísmo e que o judaísmo é a forma como o sionismo se tem apresentado ao mundo - apesar de existirem cada vez mais judeus que não são sionistas [12]. O caos generalizado será a Porta para erguer um Líder Mundial.   

Não é de estranhar, então, as alianças existentes entre lados, aparentemente, tão opostos - quer seja na política brasileira, quer seja em ideologias religiosas.

segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Estado ataca Famílias, Educação domiciliar e Não-vacinação: análise das metodologias físicas e psicológicas do ataque e imposição do socialismo

No depoimento seguinte vamos conhecer uma família de Santa Catarina que esteve enfrentando repetidas investidas do Estado contra o seu estilo de vida, no qual pratica a Educação Domiciliar e atrasou a vacinação obrigatória do seu filho. O Estado encontrou neste atraso, a porta de entrada para atacar a privacidade e a liberdade da família. Vamos aqui, no meio do depoimento, fazer algumas observações pertinentes e chamar os bois pelos nomes, com o objetivo de alertar e clarificar detalhadamente o modus operandi do Estado socialista que busca controlar todas as áreas da vida pública e privada.


Os mecanismos do Estado envolvidos no cerco feito aquela família, foram: 

:: Agentes de Saúde
:: Conselho Tutelar
:: Promotoria Pública
:: Ministério Público
:: Supremo Tribunal Federal

Estiveram ao lado da família:

:: O advogado
:: ANED – Associação Nacional de Educação Domiciliar


A página de facebook Pais Vigilantes – Blog [1] publicou o seguinte emocionante depoimento da mãe desta família (em itálico): 

Boa tarde mães/pais, amigos e integrantes do grupo.

Há alguns meses estive aqui pedindo orações para minha família, pois teríamos uma audiência com o Ministério Público, já que fomos denunciados ao conselho tutelar por ter crianças não matriculadas na escola. A denúncia aconteceu devido nós termos atrasado algumas vacinas do meu filho caçula, na ocasião com 5 meses. Agentes de saúde praticamente arrombaram nossa porta e como a conversa com eles não foi nada amistosa, o conselho tutelar foi acionado. Então o caso começou a tomar proporções cada vez maiores. 

:: Imenso despreparo profissional e humano por parte dos Agentes de Saúde. Porque defendem eles com tanta dedicação as vacinas? Certa vez perguntei a alguns Agentes de Saúde e Coordenadores escolares que estavam procurando me convencer a vacinar a minha filha, se algum deles conhecia a composição das vacinas, ou se, pelo menos, sabia que laboratórios haviam criado tais vacinas. Nenhum deles conhecia. Porque defendem eles, então, com tanto afinco, a injeção de substâncias desconhecidas em nossas crianças? Vale a pena fazer estas perguntas diretamente a tais profissionais. Foi com estas e outras perguntas que desestimulei os Servidores Públicos do Estado de me convencerem de vacinar a minha filha.

O conselho tutelar nos visitou, a conversa foi toda registrada em vídeo (com o consentimento deles) e foi bastante proveitosa. Nos demos por convencidos de que a coisa ficaria por aí. Dois meses depois eles entram em contato conosco para saber se havíamos reconsiderado a possibilidade de matricular nossa filha na escola, e diante de nossa resposta negativa, eles comunicaram o MP. Não fizeram nenhuma representação contra nós, informaram apenas o MP de que estiveram aqui e de que fazíamos o ensino domiciliar e de que a criança estava bem, instruída, alfabetizada e num ambiente saudável tanto física quanto emocionalmente. O MP porém, não foi tão receptivo.

:: O que aconteceu aqui? O Conselho Tutelar ficou convencido que a Educação Domiciliar é um direito de liberdade de escolha das famílias? Ou apenas agiram cinicamente no frente-a-frente e denunciaram a ação para instâncias mais elevadas por se verem impotentes na mudança objetivada pelo Estado em relação ao estilo de vida da família?


Na audiência que tivemos (fomos sem advogado porque estávamos confiantes), para nossa surpresa fomos hostilizados e humilhados.

:: Muita atenção aqui: as famílias devem estar o máximo possível preparadas para um confronto energético que acontece muito além das palavras proferidas. As pessoas que se sentam nas cadeiras do poder judicial sabem muito bem projetar nas pessoas/famílias-alvo, constrangimento, intimidação, humilhação, inferiorização, forte sensação de que as pessoas/famílias estão erradas. Estas energias psíquicas possuem grande potencial de afetar imenso a capacidade de raciocinar claramente e de expressar de forma inteligente e cuidada aquilo que é pensado. Sei que é difícil para imensas pessoas e famílias, mas estas devem estar o máximo possível preparadas para tal confronto não-físico.

O MP ignorou o sobrestamento do STF e se recusou deliberadamente em ouvir nossos argumentos jurídicos, pedagógicos, econômicos, enfim, todas as questões que envolvem nossa escolha pelo homeschooling. Não houve imparcialidade em nenhum momento.

:: O Estado segue uma agenda bem específica que está de acordo com a Agenda 2030 da ONU, um Programa Socialista Internacional que visa controlar todas as áreas da vida privada [2] 


Em alguns momentos, o promotor levantou o tom de voz, para interromper-nos.

:: Um dos método psicológicos de intimidação referidos anteriormente.

Quando vi que a conversa não iria frutificar, sinalizei para meu marido que parasse de falar, assinamos o despacho do promotor e em 15 dias recebemos o tão temido documento: a notificação de processo judicial, acompanhado de uma liminar que nos obrigava a matrícula em 5 dias, do contrário, multa diária de 100 reais.

Nosso advogado agiu rapidamente em audiência com a juíza no dia seguinte, onde apresentamos pedido de reconsideração, que foi negado. Então recorremos ao TJ/SC, que demorou a dar retorno, pois o desembargador estava de férias. Neste intervalo de tempo, o MP usou do conselho tutelar para coagir a minha família, vez ou outra éramos chamados para uma audiência, ou para assinar uma advertência, sempre tentando nos convencer em voltarmos atrás de nossa decisão. 

:: Esta é a metodologia do desgaste psicológico: ataques repetitivos de pouco ou nenhum efeito, surgindo de diferentes frentes argumentativas, buscando alterar o estado emocional da família pela geração de stress, buscando vencer pelo cansaço e desta forma, fazer com as pessoas/famílias ajam contra o direito fundamental de liberdade de expressão e crença.

Em 27 de junho, a surpresa: o Conselho Tutelar, ilegalmente, executou a liminar e fez a matrícula de minha filha numa escola do bairro. Novamente recorremos ao TJ/SC, que finalmente, deu-nos o parecer favorável. 

:: O Estado, em sua postura socialista, age até contra os princípios constitucionais e legislativos que o definem.

Com a graça de Deus, com assessoria da ANED, com a ajuda da Géssica (que me forneceu muito material sobre o tema, o que me deixou bem preparada) vencemos temporariamente esta batalha. Agora, estamos nas mãos do STF, e que a luz do Espírito Santo lance um raio de sabedoria aos juízes deste órgão e que não tomem nenhuma decisão equivocada.


Segue aqui, algumas particularidades do nosso processo:

1. A juíza do de 1ª instância expediu liminar obrigando-nos a matrícula alegando que a criança estaria em risco de danos de difícil reparação, e que não conseguiria as certificações para ingressar em ensino superior. O que foi desmentido no nosso pedido de reconsideração, onde mencionamos o Enceja e o ENEM.

:: Estado recorrendo à mentira quando já havia sido demonstrado o contrário. Metodologia do desgaste psicológico.

2. O Promotor de (in)Justiça escreveu um relatório de 15 páginas num juridiquês vergonhoso alegando negligência e irresponsabilidade da parte dos pais, dizendo inclusive que a criança estava em risco social e que não seria alfabetizada em tempo hábil, ou seja, 8 anos de idade ou fim do 3o ano. O que foi desmentido pelo próprio conselho tutelar, que informou no ofício que a criança estava sendo alfabetizada, e que já sabe ler desde os 5 anos de idade. 

:: Estado, mais uma vez, recorrendo à mentira. Metodologia do desgaste psicológico.

3. Ao ser informada do Agravo do processo, a juíza suspendeu o mesmo, mas NÃO suspendeu a liminar, que é uma perna do processo, ou seja, uma aberração jurídica!

:: Abuso de poder por parte do Estado, procurando impôr o socialismo, ou seja, o controle absoluto sobre a vida privada dos indivíduos e famílias.

4. O conselho tutelar agiu ilegalmente ao efetuar a matrícula de nossa filha por conta própria e em breve irá responder judicialmente pelo ato. 

Abuso de poder por parte do Estado, procurando impôr o socialismo, ou seja, o controle absoluto sobre a vida privada dos indivíduos e famílias.


5. O MP mandou o conselho tutelar checar se nós tínhamos a chamada "Família Extensa", que no caso serve para situações em que as crianças se encontram em risco físico e a justiça intervem, tirando as crianças dos pais e levando para os parentes (avós, tios, padrinhos, etc). Tal procedimento gerou um desgaste emocional enorme, pois por meio dele descobrimos que o MP estava considerando a possibilidade de tirar nossos filhos de nós. Não aconteceu de fato, mas com isso o MP deu a entender que o pretendia.

:: Revela-se aqui que o Estado não está procurando fazer o que é certo, mas está, isso sim, buscando qualquer fraqueza na Muralha da Família de forma a poder invadir o Sagrado Castelo Familiar e impôr a sua vontade ditatorial e opressora no seio da mesma.

6. A conselheira tutelar conseguiu escrever o nome da minha filha errado DUAS VEZES, sendo que era só copiar da certidão de nascimento que tinha em mãos. (!)

:: Parecendo insignificante este detalhe, não o é, uma vez que demonstra a desqualificação profissional da conselheira para interpretar os complexos textos de português que acompanham um caso desta natureza. Sendo a conselheira uma pessoa do povo, questiono-me: o que leva as pessoas a ir contra os seus vizinhos e conterrâneos, em prol da vontade de um sistema estatal que elas próprias não conseguem entender e interpretar?

7. Enfim, em 25 de julho, o desembargador Jorge Luiz de Borba acabou com essa bagunça e nos trouxe de volta à normalidade.

E que o mesmo pare por aqui!

Suspensa decisão que obrigava casal a matricular filha menor em escola [3]
20/08/2018

sábado, 25 de agosto de 2018

Monsanto defende o Glifosato: substância no organismo dos portugueses 20x acima da média de outros países europeus

As corporações mentem descaradamente em prol do lucro, mesmo que isso represente a morte e a doença de imensas pessoas. É o que revela o vídeo postado pela Monsanto Brasil, no dia 28 de Janeiro de 2016, defendendo o uso do Glifosato (um dos herbicidas mais vendidos no mundo) argumentando que este não é prejudicial à saúde humana e animal. Para não perder o vídeo, baixei o mesmo do Youtube e postei diretamente neste artigo:


A RTP - Rádio Televisão Portuguesa mostra que análises laboratoriais feitas na urina de portugueses que moram em áreas urbanas, revelam a presença do Glifosato em quantidades 20x superiores à média dos alemães e suecos.



No Brasil, em 2014, o Ministério Público já expressava desejo de impedir o uso de tal substância no país:



No dia 13 de Agosto de 2018, postei o artigo Glifosato nas vacinas: Provas [1], expondo os malefícios do Glifosato, mostrando que esta substância foi descoberta em algumas vacinas e revelando que a Monsanto foi condenada a pagar US$ 289 milhões por danos no julgamento do câncer [causado por] Roundup [2], um famoso herbicida à base de Glifosato.

Em 2016, o jornal Expresso já nos revela que os perigos em relação ao uso das substâncias são alertados por diversas organizações nacionais e internacionais:

Herbicida com dias contados [3]
Considerada potencialmente cancerígena pela Agência Internacional de Investigação para o Cancro (IARC) da Organização Mundial de Saúde, esta substância é utilizada generalizadamente no mundo. Em Portugal é usada não só por agricultores e proprietários rurais, mas também por autarquias no espaço urbano para eliminar vegetação em passeios e jardins.

No mesmo ano, a Euronews (rede de informação da União Européia), canais televisivos em Portugal e políticos portugueses, já alertavam para o perigo do Glisofato.







A luta contra o Glifosato e a Monsanto está ganhando terreno em todo o mundo.

Monsanto chegou a 8.000 ações judiciais após veredicto de câncer Roundup [4]

A Monsanto, ou fecha as portas, ou estaremos assistindo ao início de um dos maiores casos de corrupção do mundo.

Print do vídeo da Monsanto Brasil, no qual, a empresa defende o uso do Glifosato


quinta-feira, 23 de agosto de 2018

Pedofilia aprovada na França?

Recentemente, a França atualizou a sua legislação em relação ao abuso sexual de menores, mas perdeu uma grande oportunidade para determinar uma idade mínima para sexo com consentimento. Ou seja, a França continua - como sempre esteve - sem possuir uma idade mínima legal para a prática de sexo com consentimento. Isto, obviamente, é interpretado por muitos, como a facilitação da prática de pedofilia - principalmente agora que a França assiste a um crescimento exponencial da cultura islâmica. 

Foto: Lionel Bonaventure | AFP

Antes de Março de 2018, a França ainda não havia iniciado uma discussão mais aprofundada para a criação de uma idade legal para sexo com consentimento. A nação das grandes revoluções sociais - no início deste ano, deparou-se com um caso judicial de um homem de 28 anos de idade que teve relações com uma menina de 11 anos de idade, o qual, não pode ser enquadrado como estupro devido à falta de legislação. Isto fez com que se fortalecesse a discussão para determinar uma idade legal para a prática de sexo com consentimento.

Consentimento sexual: a idade de 15 anos retida pelo governo  [1]
Marlène Schiappa, Secretária de Estado para a Igualdade entre Mulheres e Homens, apresentará sua proposta contra a violência sexual e de gênero no final de março.
06/03/2018

Em Julho 2018 ainda se andava debatendo a criação de tal lei...

Os franceses favoráveis a uma lei sobre a idade de consentimento sexual de menores [2]
03/07/2018

No entanto, esta semana, a lei aprovada não continha a determinação de uma idade legal mínima para uma pessoa ter sexo com consentimento . 

Consentimento sexual: a lei não estabelece um limite de idade [3]
Assunto de controvérsia, fonte de debate acalorado por mais de um ano, a questão da idade mínima do consentimento sexual foi finalmente descartada. Um tempo defendido pelo governo, a presunção de não-consentimento dos menores de 15 anos é a grande falta do projeto de lei sobre violência sexual e sexual, votado quarta-feira pela Assembleia Nacional. Uma "decepção" para a maioria das associações de assistência infantil, que exigiu que qualquer entrada em uma criança seja considerada estupro, sem que a vítima tenha que provar "violência, ameaça, coação ou surpresa". como ela deve fazer hoje. Quinta-feira, vários grupos, incluindo o Conselho Francês de Associações pelos Direitos da Criança emitiram uma declaração para expressar sua "indignação" pelo abandono "do que deveria ser a medida principal do projeto de lei". Originalmente, o governo havia prometido incluir no Código Penal um limite de idade de presunção de "não-consentimento" de menores para um ato sexual.
03/08/2018

A França perdeu, assim, uma grande oportunidade de determinar, legislativamente, a idade mínima para a prática de sexo com consentimento.

Em países onde existe uma determinação legislativa para o sexo com consentimento - como o Brasil ...

Código Penal limita consentimento sexual a maiores de 14 anos no Brasil  [4]
22.12.2017

Lei criminalizou qualquer ato sexual com menores de 14 anos [5]
2009

... pouco a pouco, vão surgindo vozes propondo a redução de tal idade, como se estivessem testando a abertura civil para tal mudança. Aqui no Brasil, uma das vozes que se tem feito ouvir propondo a redução da idade mínima para sexo com consentimento para 12 anos de idade, é a do Procurador da República Luiz Carlos Gonçalves, como podemos ler no 6° Parágrafo da seguinte matéria da Globo, de 2012...

Tribunais absolvem acusados de sexo com menor, apesar de nova lei [6]
"(...) segundo o procurador da República Luiz Carlos Gonçalves, relator do anteprojeto de reforma no Senado. “Estamos concordando em parte com essa crítica e reduzindo a idade de consentimento para 12 anos”
20/05/2012


Proposta para mudar estupro na lei 'chama coisa pelo nome', diz relator [7]
"A proposta [do relator, o Procurador da República Luiz Carlos Gonçalves] também diminui a idade do que hoje é considerado o vulnerável, para fins de punição por crimes sexuais, de 14 anos para 12 anos de idade. A comissão levou em conta o Estatuto da Criança e do Adolescente, segundo o qual criança é a pessoa até 12 anos de idade incompletos, e adolescente, entre 12 e 18 anos de idade."
20/05/2012


Procurador da República Luiz Carlos Gonçalves

Este tipo de posturas não é nova, sendo que Aldus Huxley, em seu livro Admirável Mundo Novo, escrito em 1931, já nos alertava para as intenções elitistas de criar um Governo totalitário onde a pedofilia seria consentida.

O seguinte mapa revela a distribuição das idades legais para sexo com consentimento, na Europa.

Fonte: https://infographicsdaily.wordpress.com/2014/07/23/age-of-sexual-consent-in-europe/

APOIO EDITORIAL DESTE ARTIGO: Ana Rita Mardones